top of page
Buscar
  • Foto do escritorVital Psilo

A relação entre terapeuta e paciente pode ser fundamental na terapia com psilocibina


Um novo estudo avaliou o impacto dessa relação na terapia assistida por psilocibina (TAP) para o tratamento da depressão. Os pesquisadores analisaram os dados de um ensaio clínico prévio com 24 adultos que receberam duas doses orais de psilocibina (20mg/70kg e 30mg/70kg), em um intervalo de 1 a 2 semanas. Como parte dos desfechos, uma ferramenta específica foi utilizada para avaliar a relação terapêutica entre terapeutas e participantes do estudo. A avaliação foi realizada na sessão final de preparação antes da administração da psilocibina, e novamente uma semana após a primeira e a segunda sessões com a substância.


Os resultados, publicados no periódico científico PLoS One, revelaram que quanto mais forte foi a relação entre terapeuta e paciente, maior foi a melhora no quadro de depressão ao longo de um ano. O interessante é que essa relação ficou ainda mais evidente com o passar do tempo do estudo. Essa relação também foi associada a experiências mais intensas com a psilocibina, como insights psicológicos e experiências místicas.


Esses achados destacam a importância da relação entre terapeuta e paciente para o sucesso da TAP. Embora sejam necessárias pesquisas futuras para explorar as características que maximizam essa aliança terapêutica, um terapeuta de confiança pode ajudar o paciente a se sentir seguro e confortável durante a experiência com a psilocibina, o que pode levar a melhores resultados no tratamento.


Referência

Levin AW, Lancelotta R, Sepeda ND, Gukasyan N, Nayak S, Wagener TL, Barrett FS, Griffiths RR, Davis AK. The therapeutic alliance between study participants and intervention facilitators is associated with acute effects and clinical outcomes in a psilocybin-assisted therapy trial for major depressive disorder. PLoS One. 2024 Mar 14;19(3):e0300501. doi: 10.1371/journal.pone.0300501. PMID: 38483940; PMCID: PMC10939230.


Disponível na íntegra em:


16 visualizações0 comentário

Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page